quinta-feira, 29 de abril de 2010

* Nostalgia *

em vaso de barro
plantei bromélias
crescem sérias
orvalham saudades
do jardim

Úrsula Avner

* imagem do google

4 comentários:

  1. Bom fim de semana minha querida, bjs

    Existe algo misterioso
    no silêncio de seu olhar
    que talvez nunca revele
    pois, a mente feminina
    é um perigoso enigma
    que em vão, os homens
    pretendem desvendar.
    Mas, para quê conhecer
    esse hermético segredo?
    Se nosso grande objetivo
    sempre por nós perseguido
    é encontrar a felicidade
    realizar nossos desejos.
    Então, não faz sentido
    compreender essa paixão!
    O que interessa é o milagre
    que dá sentido nessa religião.
    Ao matar a sede dos corpos
    em seu ato misericordioso
    vai aos poucos libertando
    seus devotos sequiosos
    de um enorme desprazer
    e, mesmo sem entendê-las
    estamos libertos e felizes
    duma existência triste e vazia
    sem o amor de uma mulher!

    Valter Montani

    ResponderExcluir
  2. Precisam mesmo as bromélias de um jardim.E o nosso desejo de detê-las, belas assim, as fazem
    suspirar. E, nesse suspiro até, espalham aromas, no ar, com cheiro de saudades do lugar em que gostariam de estar. Mas caminhamos nós, os plantadores, assim... a plantar.
    Bjs no coração, amiga.

    ResponderExcluir
  3. Um toque oriental, Úrsula. Adorei. beijos.

    ResponderExcluir